Calistenização entrevista Bira Junior, fundador do Calistenia Maceió e um dos principais difusores do esporte no Nordeste

Confira a entrevista com o Bira Junior, um dos principais difusores da Calistenia & Street Workout no nordeste e fundador do grupo Calistenia Maceió.

Olá irmãos e irmãs ao redor do mundo!

Alex sanches aqui com você e trouxe hoje uma entrevista que fiz semana passada com um cara que vem trabalhando muito duro pra divulgação da Calistenia & Street Workout não só por toda a Região Nordeste, mas por todo brasil. Nós conversamos com o Bira Junior, atleta e fundador da equipe Calistenia Maceió.

Acompanhe abaixo!

Calistenização – Bira, pra começarmos, eu gostaria de saber quanto tempo você já treina Calistenia & Street Workout e quais as principais mudanças que você notou em seu corpo e mente devido ao esporte?

Bira Junior – Nunca fui sedentário, sempre gostei de esportes como natação, corrida, futebol etc. Após a graduação em educação física iniciei à musculação, todas essas modalidades são eficientes para a manutenção de um corpo saudável. Na minha percepção a maior diferença da calistenia para esses esportes foi a disciplina, pois como quero sempre evoluir em um movimento, treino bastante! E quando consigo a sensação é ótima e reflete em vários fatores psicológicos como bem estar, motivação e autoestima. As mudanças corporais mais evidentes foram ganho de massa magra, redução de gordura e definição muscular, além de me sentir bem mais forte. Treino há 6 meses.

Calistenização – Eu conheço vários casos de pessoas que começaram a treinar porque tiveram alguns problemas de saúde, coisas do tipo e depois se apaixonaram. O que fez com que você iniciasse e como foi seu primeiro contato com o esporte, através da internet?

Bira Junior – Os primeiros vídeos que vi foram do Hannibal King, porém como a maioria achava os movimentos impossíveis, mas foi a descoberta dos vídeos tutoriais que me motivaram a me arriscar na modalidade, comecei pelo Muscle up, então não parei mais.

10173530_988448331170866_3503463763910647900_n

Calistenização – O seu time, Calistenia Maceió tem crescido muito rápido pelo que podemos acompanhar online e o que falta atualmente para que ele se desenvolva ainda mais e seja mais uma fonte de talentos para o Brasil? Gostaria de fazer algum apelo em especial?

Bira Junior – Fico muito satisfeito em ver o crescimento da equipe, pois parece que foi ontem que estava fazendo flexões de solo sozinho em casa, com certeza um dos maiores atrativos da modalidade é treinar em grupo, o ambiente é cada vez melhor. Na realidade já venho fazendo esse apelo e sei que é o mesmo de muitos grupos no Brasil, mas a falta de estrutura sem dúvidas é nossa maior dificuldade, atualmente existem pouquíssimas bases para treinamento e muito limitadas.

Calistenização – Qual foi o movimento que quando começou, você imaginou que não conseguiria executar?

Bira Junior – Quando assistimos os atletas executarem, qualquer movimento parece fácil, porém ao tentarmos é que temos noção da dificuldade. Após conseguir o muscle up iniciei os treinos para a bandeira humana, achei que não conseguiria e hoje já estou fazendo flexão na posição, então estou bem convicto que tudo é só questão de treino, mas foi difícil de chegar a essa percepção.

10730983_976998112315888_2983753957241609016_n

Calistenização – Você segue alguma dieta em especial Bira, como é sua alimentação?

Bira Junior – Treinar certo e comer errado não dá! Cortei alguns maus hábitos alimentares, no início minha alimentação estava mais regrada, atualmente está mais equilibrada, estou satisfeito com meu corpo e me sinto muito disposto pra treinar.

Calistenização – Eu vejo muitas pessoas que sentem certa dificuldade em dividir os treinos com repetições direcionados mais a ganho muscular e tricks (movimentos). Como você divide isso durante sua semana e em média quanto tempo duram os treinos do Calistenia Maceió?

Bira Junior – Acho essa a área mais carente da modalidade, por ser muito global é muito complicado de dividir. Nos treinos existem aqueles que só querem ficar fazendo exercícios convencionais (flexão, barra, abdominal). Outros já querem partir para os movimentos (Muscle up, Bandeira humana). É preciso encontrar o equilíbrio, pois se for tentar os movimentos sem a musculatura preparada é muito alto o risco de lesão e se ficar só fazendo o básico nunca fará movimento algum da modalidade. Para iniciantes sempre recomendo o velho e eficiente: “puxar e empurrar”, ou seja, um dia exercícios nas barras, no outro flexão e paralela, percebo na modalidade que principalmente os homens não gostam muito de treinar perna, para suprirmos essa falha criamos um circuito na areia só de perna, além de trabalhar o cardiorrespiratório em conjunto. Também incentivamos bastante a prática de alongamentos para uma melhor flexibilidade. Nossos treinos não tem horário fixo, devido todos terem atividades bem corridas, mas o pessoal começa chegar às 16:00h e ficam se alternando até umas 20:00h. Dessa forma multiplicamos os ensinamentos, sempre tem alguém da equipe para dar toques para iniciantes. Quanto minha rotina, estou sempre mudando meus treinos com objetivo no movimento que quero avançar, atualmente estou focado no parada de mão (handstand). Treino de 5 a 6 dias na semana e concilio com a corrida.

Calistenização – Qual sua principal inspiração no esporte em geral, depois no Brasil e quem você gostaria de ver entrevistado aqui no Calistenização?

Bira Junior – Admiro muito o Brendam Meyers, pois ele quebra o paradigma que praticante de calistenia tem que ser magrinho e seco, o cara é monstro! E o Corey Hall nos tricks. Não dá pra falar da modalidade no Brasil sem citar o Luiz Otávio, foi através dele que conheci os tutoriais e dei início aos treinos, mas hoje tem dois monstros que tem me inspirado muito que são o Lucas Pimenta e o Guilherme Duarte. Gostaria muito de ver a entrevista desses grandes atletas.

Calistenização – Quais são as suas metas pessoais como praticante da Calistenia & Street Workout para esse ano e as metas do Calistenia Maceió?

Bira Junior – Pessoalmente não coloco limites, meu lema é “hoje estou mais perto que ontem” quero continuar evoluindo nos movimentos, além de melhor a execução e tempo de duração nos que já executo. Porém as metas para equipe são inúmeras: a primeira é conseguir estruturas descentes para os praticantes, isso resultaria de imediato em outra meta que seria um maior número de adeptos, também queremos enviar nossos representantes para competições nacionais e internacionais, além de criar projetos sociais utilizando a modalidade. E a maior de todas é ver esse esporte popular e melhorando a qualidade de vida de seus praticantes.

10615511_976998675649165_495262588226298255_n

Calistenização – Qual é a dica que você gostaria de ter escutado quando começou a treinar?

Bira Junior – Sem dúvida para controlar a ansiedade! A variedade de movimentos é imensa e a ansiedade para realizá-los é maior ainda, então é comum querer sair executando todos, além de não evoluir em nenhum é alto o risco de lesão. Atualmente divido melhor os treinos e percebo um melhor rendimento e recuperação muscular, além de menos stress articular. Claro que a graduação em educação física facilita, mas a modalidade é muito específica e muito carente de estudos principalmente quanto a periodização e incidência de lesões.

Calistenização – Obrigado pela entrevista Bira e tenho certeza que toda a comunidade do esporte também agradece pelo trabalho que vocês tem realizado.

Bira Junior – Valeu você meu brother!

10440923_988448724504160_407926239843522579_n

Essa foi a entrevista com o Bira Junior e se você gostou, é só clicar aqui pra conhecer ainda mais sobre o trabalho que o Calistenia Maceió desenvolve.

Inclusive, se você quer ver outras entrevistas dos melhores atletas do Brasil e do Mundo e ainda não faz parte da Lista Vip, aproveite e inscreva-se já, é gratuito.

Clique aqui para receber GRATUITAMENTE 3 vídeos de como começar a treinar da forma correta, mais 2 e-books exclusivos, 12 Receitas para Hipertrofiar e o e-book Hipertrofia Sem Mistérios e muitas outras dicas que só envio por lá.

E se você está em busca de motivação, inscreva-se aqui também GRATUITAMENTE para que eu te envie um super material que com toda certeza poderá transformar sua vida.

Nos vemos em breve.

Forte abraço!

Alex Sanches

[Total: 2    Média: 5/5]
0 Comments

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *